quarta-feira, 7 de abril de 2010

A importância da Psicoterapia Infantil

A Terapia Infantil é a psicoterapia dirigida ao atendimento a crianças. Ela conta com recursos lúdicos a fim de abordar o mundo infantil, considerando as necessidades particulares e os aspectos especiais das crianças. Tem-se como referencial o sofrimento da criança e como objetivo ajudá-la a encontrar caminhos para sentir-se melhor.


São inúmeras as razões que levam pais ou responsáveis a procurar terapia para suas crianças.

Podemos destacar o baixo rendimento escolar, comportamentos agressivos, timidez, enurese noturna, hiperatividade, dificuldades de interagir com outras crianças ou familiares, depressão, obesidade, etc. Os comportamentos-problema nas crianças, podem estar associados à falta de habilidade para lidar com situações adversas e difíceis, como a separação dos pais ou mudança de escola. Nestes casos a terapia irá auxiliá-la, com a metodologia adequada, na aquisição de novos comportamentos eficientes para lidar com as situações geradoras do estresse emocional.

O envolvimento dos pais é extremamente importante no processo terapêutico do filho, através de sessões de orientação. Em tais encontros, os pais aprendem formas alternativas de ajudar o filho, bem como passam a entender o que ocorre no contexto familiar e o que poderia estar gerando ou mantendo o problema. Percebe-se, neste modelo, que todo ambiente no qual a criança interage deve ser considerado e também ser foco de intervenção. Neste sentido, pode-se orientar, inclusive, outros familiares e a escola.

O Psicólogo, através de sua relação genuína com a criança, inicia um processo de mudança comportamental dentro do consultório com o intuito de que estes progressos sejam ampliados para os ambientes naturais da criança. Assim ela conseguirá se comportar de forma a se sentir bem em todas as esferas de sua vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário